15.11.09

Já que ando sem inspiração, vou serrando a alheia:

Não sei quantas almas tenho.
Cada momento mudei.
Continuamente me estranho.
Nunca me vi nem acabei.
De tanto ser, só tenho alma.
Quem tem alma não tem calma.
Fernando Pessoa

2 comentários:

i-Nick disse...

umhh interessante entre no meu blog nickeladeon.blogspot.com

i-Nick disse...

umhh interessante entre no meu blog nickeladeon.blogspot.com